BYD ANUNCIA CONSTRUÇÃO DE PRÉDIOS RESIDENCIAIS PARA FUNCIONÁRIOS EM CAMAÇARI

3 Min Read

Em um encontro realizado no complexo fabril da BYD em Camaçari, na Bahia, a empresa anunciou a construção de cinco prédios residenciais destinados a abrigar os futuros funcionários da fábrica. Localizados a 3,5 km de distância do complexo, os empreendimentos ocuparão uma área de aproximadamente 81 mil m² e terão capacidade para abrigar 4.230 pessoas.

O anúncio contou com a presença de importantes figuras, incluindo a vice-presidente executiva e CEO Américas da BYD, Stella Li, o presidente da BYD no Brasil, Tyler Li, o conselheiro especial da companhia, Alexandre Baldy, e o prefeito de Camaçari, Antônio Elinaldo.

Stella Li expressou sua satisfação com o impacto positivo que a BYD está causando no Brasil, destacando que após o anúncio do investimento da empresa, outras montadoras também revelaram planos de investimento no país.

Durante o evento, foram discutidos temas como parcerias e incentivos para o uso de mão de obra e empresas locais, tanto na fase de construção da fábrica quanto na operação subsequente. As obras foram iniciadas recentemente em uma cerimônia realizada em 5 de março.

O novo complexo, que será construído do zero, está previsto para ser o maior polo industrial da BYD fora da Ásia e a primeira fábrica de carros elétricos do Brasil. As antigas instalações serão utilizadas para abrigar fornecedores de peças importantes para os veículos fabricados em Camaçari.

A BYD também anunciou um aumento significativo no investimento no polo industrial, passando de R$3 bilhões para R$5,5 bilhões, um aumento de 83% em relação ao valor inicialmente divulgado.

Até o final de 2024, os primeiros veículos da BYD começarão a ser montados no complexo, com a produção completa prevista para iniciar entre 2024 e 2025, com capacidade instalada próxima de 150 mil veículos por ano na primeira fase de implantação.

O complexo, que possui uma área total de 4,6 milhões m², foi adquirido do Governo da Bahia por R$287 milhões. Na primeira fase de obras, serão construídas 26 novas instalações, incluindo galpões de produção e uma pista de testes, ocupando uma área de cerca de 1 milhão m². O governador Jerônimo Rodrigues destacou o trabalho conjunto para acelerar o projeto e atender aos interesses do estado e da BYD.

fonte: Bahia INVEST

Share This Article

Conteúdo protegido!

 

Sair da versão mobile