Teixeira de Freitas: A solicitação é do vereador Wildemberg Soares Guerra, o “Sargento Berg” (PSDB), 1º vice-presidente da Câmara Municipal de Teixeira de Freitas, que oficiou nesta quarta-feira, 25 de março, o novo secretário Municipal de Segurança Pública e Cidadania, coronel Raimundo Magalhães e o prefeito municipal, Timóteo Alves de Brito (PP), em proteção a necessidade da manutenção do serviço essencial de mobilidade urbana, o que inclui o serviço de transporte remunerado individual de passageiro, denominado de moto-táxi em consequência do atual enfrentamento da pandemia do novo Coronavírus – (COVID-19).

O vereador Sargento Berg se baseou na Declaração de Emergência em Saúde Pública de Importância Internacional (ESPII) pela OMS – Organização Mundial da Saúde em 30 de janeiro de 2020, em decorrência da Infecção Humana pelo novo Coronavírus (COVID-19), reconhecida no Brasil em situação de pandemia.

Conforme o parlamentar, o município deve se mobilizar esforços junto ao chefe do Poder Executivo para que seja deliberado um ato normativo, no sentido de determinar a suspensão temporária do uso obrigatório do capacete, por parte do passageiro, que se utilizar do serviço de transporte remunerado individual de passageiro, denominado de Moto-Táxi, no âmbito municipal, excetuando-se às Rodovias Estaduais e Federais.

O ato normativo deverá vigorar pelo período em que perdurar as medidas de prevenção ao combate do avanço da contaminação pelo Coronavírus – (COVID-19), a partir deste momento em que o município sai da categoria de estágio 1, onde se encontrava com nenhuma caso confirmado e atingiu a categoria de estágio 2, onde foi oficialmente confirmado o primeiro caso de contaminação pela COVID-19, atendendo determinações dos setores da saúde em todo o país, assim como orientações da O.M.S – Organização Mundial da Saúde. Segundo o vereador Sargento Berg, a medida é necessária e importante, tendo em vista que o capacete do Moto-Taxi, especialmente, é utilizado por inúmeros passageiros por dia e, mesmo sendo esterilizado após o uso, à medida que se requer, serve de uma maior proteção e obedece a necessidade da prevenção neste atual momento.

Fonte: Sulbanews

Toque de Recolher: Comércio varejista e serviços não essenciais

Teixeira de Freitas: Cumprindo determinação do Governo do Estado da Bahia, o Governo Municipal de Teixeira de Freitas emitiu, nesta terça-feira,

Teixeira e cidades do extremo sul terão toque de recolher a partir

Teixeira de Freitas: As cidades do extremo sul da Bahia – Alcobaça, Belmonte, Caravelas, Eunápolis, Guaratinga, Ibirapuã, Itabela, Itagimirim,

Morre aos 94 anos ex-prefeito de Santa Cruz Cabrália

Morreu na madrugada desta terça-feira (02), aos 94 anos, o ex-prefeito de Santa Cruz Cabrália Filogônio Santos de Alcântara, o Filó. Segundo

Saque aniversário do FGTS poderá ser usado para empréstimos

Em vigor desde abril para parte dos trabalhadores que aderiram à modalidade, o saque-aniversário do Fundo de Garantia do Tempo de Serviço (FGTS)

Nova parcela do vale-alimentação estudantil será paga dia 8 de

Mais uma vez, os 800 mil alunos da rede estadual de ensino vão ter direito ao auxílio de R$ 55 do vale-alimentação. O governador Rui Costa fez

Vereador Adriano Souza e moradores comemoram um ano do Chafariz

Teixeira de Freitas: Inaugurado no dia 28 de maio de 2019, o Chafariz comunitário do Bairro Santa Rita é fruto da proposição legislativa do

Mourão assume comitê do Fundo Amazônia no lugar de Salles

Decisão de troca foi tomada após reunido do vice-presidente com embaixadores de Alemanha e Noruega, principais doadores do órgão O

Bolsonaro diz que auxílio emergencial deverá ter quarta parcela

Novo valor está em discussão no governo O presidente Jair Bolsonaro afirmou nesta quinta-feira (28) que o governo deve propor uma quarta parcela

Câmara dos Deputados aprova 'Lei Aldir Blanc' para setor cultural

O projeto de Lei de Emergência Cultural prevê R$ 3,6 bilhões da União para estados, municípios e Distrito Federal Foi aprovada pela Câmara

Auxílio: Governo pode reavaliar cadastros para liberar a 2º parcela

Alguns trabalhadores reclamam que ainda não receberam a segunda parcela dos R$ 600 porque estão em reanálise cadastral A Caixa Econômica

Nossos Apoiadores: